segunda-feira, 19 de abril de 2010

Blogagem coletiva - Vinho


Este tom vestiu reis, rainhas e seus aposentos. Portanto, faz lembrar a nobreza. Prato de cerâmica com detalhe de alpaca, da L'oeil, e taça de cristal, do antiquário Azul Cobalto. Ao fundo, tecido indiano da Cor do Sol.


Os tons de vermelho-profundo transmitem ardor, instintos selvagens e sensualidade. "A cor vinho tem a mesma vibração do signo de Escorpião, o mais sensual do zodíaco", revela a astróloga gaúcha Adriana Guedes de Azevedo. "Os nativos desse signo são admiradores dos amores ardentes, dramáticos, misteriosos", diz Adriana. "Também gostam dos prazeres proporcionados pelos cinco sentidos, da boa mesa, do conforto e do bom vinho compartilhado a dois...", assegura ela.

Essa cor tão especial também é associada à riqueza e aos ambientes luxuosos. Os pigmentos vermelhos usados para tingir mantos reais e tecidos usados em castelos e palácios eram extremamente caros e raros. E um vermelho profundo e vibrante necessitava de pigmentos de ótima qualidade - e em grande quantidade. "Por essa razão, a cor vinho virou sinônimo de luxo e riqueza", conta a paulista Patrícia Garcia, pesquisadora de psicodinâmica das cores, de São Paulo.

O líquido vermelho-intenso extraído das uvas batizou a cor vinho. É também chamada de bordô, palavra que vem de Bordeaux, região onde crescem alguns dos melhores vinhedos da França. O vinho Bordeaux, escuro, aveludado e denso, acompanha pratos de carne em jantares sofisticados. A mitologia grega apresenta o deus Dionísio, ou Baco, para os romanos, como o deus do vinho, da alegria e da sensualidade. Filho de Zeus com a amante Sêmele, perambulou pelo mundo ensinando a arte da vinicultura. O vermelho-profundo da bebida dos deuses tinha o poder de liberar paixões e abrir os corações dos homens. Assim Dionísio poderia conseguir espaço e provocar a alegria e o êxtase divinos. Conhecido esse supremo prazer, os homens não esqueceriam mais de procurá-lo.

A cor vinho também está intimamente ligada ao sagrado. No antigo Egito, e também em Roma, o bordô, o vermelho-púrpura e o escarlate eram associados à justiça, à nobreza espiritual e aos rituais sagrados. Os místicos muçulmanos acreditam que o amor de Deus é embriagador como o vinho e amam sua cor. "O vinho significa a bebida do amor divino, que gera a embriaguez e o total esquecimento de tudo o que existe no mundo", escreveu Nabolosi, especialista em textos sagrados dos países árabes.

Púrpura e vinho também são usados pelas mais altas autoridades religiosas da Igreja Católica, como bispos e cardeais. Principalmente porque estão associados ao próprio vinho, que, na tradição cristã, representa o sangue de Cristo e o seu sacrifício em nome dos homens. Do mundo sagrado ao profano, a cor de vinho lembra o amor - em todas as suas variações.


Texto: Liane Camargo de Almeida Alves
Reportagem: Carmen Barcellos
Reportagem Fotográfica: Ana Paula Lopes
Fotos: Mari Queiroz
Agosto 2001

http://bonsfluidos.abril.com.br/edicoes/0027/cores/a.shtml

12 comentários:

Tida disse...

Vice, bom dia!

Que bom amanhecer e ver descortinar diante de si um mundo cheio de significados vermelhos.
abs

Renata Boechat disse...

Olá Vice,
Bom dia querida!
Gostei de saber de todos esses significados...e a foto está linda tbm!
Sim, a cor vinho é cheia de força, e emana poder,
é bom sim, começar uma semana cheia de força e muita energia!

Gina disse...

Vice, é verdade, a cor vinho é profunda, rica, muito comum entre a realeza, nas roupas e decoração de palácios.
Estou gostando de ver a abordagem variada que essa cor permitiu aos blogueiros.
Boa semana!

Glorinha L de Lion disse...

como minhas amigas andam pesquisando! essa blogagem tá boa diamisdaconta Vice....e vc já descansou minha querida?...eu to aqui aos trancos e barrancos no laptop do filho, catando milho...heh...lindo seu post, adorei.
bjs.

Chica disse...

Lindos VERMELHOS nos trouxeste!beijos,chica

Lúcia Soares disse...

Gostei da postagem, aprendi um pouco mais. Não uso vermelho, mas sem dúvida é uma cor pelo menos apaixonante.
Abraços!

welze disse...

um espetáculo de postagem. Abafou. Parabéns. Legal tb o comentário sobre a verificação das letras. Eu apanho com as danadas quando tomo o bentido remédio para a dor. Boa semana, querida

Lu Souza disse...

Oi Vice,

Esta blogagem na cor vermelha está me surpreendendo: é a mais informativa, mais cultural de todas as cores. Hoje ja aprendi sobre medula ossea, doação de sangue, touradas, cubatão e os guarás, sedução, histórias da vida real e agora, sobre vinhos e cores. Adorei.
Está maravilhosos seu post.
Grande beijo

Tati Pastorello disse...

Oi Vice, sou escorpiana e adorei ler sobre o vermelho. Adoro todos os sentimentos que ele inspira!
Realmente o vermelho está associado a muitas coisas: do sacro aos pecados. Acho que nenhuma outra cor abrange tantos significados.
Adorei o que li!
Beijos.

Rozani disse...

Oi Vincentina!
Adorei saber sobre a cor vinho e vemelho!Lindo seu post!
Bjs,Rozani

Luma Rosa disse...

Gosto da cor vinho muito mais que o vermelho e faço grande uso dela - me favorece!! (rs*)
Não sabia tantos valores agregados ao vinho!! Beijus,

Fátima disse...

Nossa Vice,
Quanta informação, gostei de saber isso tudo.
Particularmente não gosto dessa cor vinho, mas realmente ela tem uma conotação majestosa, quase imperial e soberana.
Vou captar a força e energia, obrigada.
Beijo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...